Home   |   Mapa do Site    |   Contato
Email dos Leitores
Dúvidas
Depoimentos
Dica da Semana
Galeria de Fotos
Alerta ao Comprador
Humor
Denúncias
Cadastre-se
Frase da Semana
Proverbios de Cavalos
Pensamentos
Conformacao
Condicion. Fisico
Marcha
Doma
Treinamento
Equitação
Embocaduras
Manejo de Cascos
Reprodução
Genética
Eventos do Marchador
ABCCMM
NUCLEOS
Haras em Destaque
Marchador Internacional
Links Interessantes
CURSOS ONLINE
PALESTRAS ONLINE
CLINICAS ONLINE
LIVROS EM CD
LIVROS IMPRESSOS
AUDIO-BOOKS
Quiz da Semana
Haras Boa Luz
Como Registrar
Frutas que Curam
Alerta
Preserve a Natureza
A Fotografia
Saude
Controle o Estresse
O Espelho de Gandhi
Calendario Lunar
Datas comemorativas
Previsao do Tempo

Clique para ampliar
Clicar para aumentar foto e ler legenda
Clicar para aumentar foto e ler legenda


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

II PARTE – DIFERENTES COMBINAÇÕES DOS GENES TROTE/ANDADURA

Agora, vamos abordar as combinações diferentes do trote/andadura, ou seja os genes do grupo passo/passo. Para simplificar, vamos chamar o par de genes do passo de fator de modificação, usando o simbolo ( M ) para o modificador forte – dois genes fortes do passo de cada um dos pais; o simbolo ( m ) para o modificador fraco – um gene fraco e um gene forte do passo de cada um dos pais; e o simbolo ( O )  quando nao ha o fator modificador – um gene fraco do passo de cada um dos pais. O simbolo para o gene do trote será ( T ) e para o gene da andadura será ( P ).

TIPO 1 ( TTO ) – genes do trote emparelhados, sem fator modificador: Este é um dos tipos genéticos mais frequentes. O cavalo executa somente o trote na transição partindo do passo. O passo básico tende a ser lento e de deslocamentos mais retraídos, de pouca flexão, deslocamentos mais curtos. A movimentação de espádua é limitada. O andamento ao trote é áspero.

TIPO 2 ( TTm ) – genes do trote emparelhados, com fator modificador fraco: O passo tende a ser o mais rapido dentre as raças de trotadores. Com frequencia a transição se dá para um tipo de trote desunido e em seguida para o trote convencional.

TIPO 3 ( TTM ) – genes do trote emparelhados, com fator modificador forte: Este cavalo executa um passo de boa amplitude e muita velocidade, sendo que  a transição se dá para varios tipos de andamentos marchados diagonalizados e o próprio trote. Salvo nos raros  casos de mutação gênica, este tipo não apresentará andadura. Tende a ser um cavalo de bom potencial atlético, de locomoção enérgica e fácil. Conformação e temperamento podem alterar o modo de atuação dos genes da marcha. Representantes da raça American Saddlebred estão incluidos no tipo 3, e os andamentos do tipo “slow gait” e “rack”, que inserem esta raça no roll das “gaited breeds” precisam ser treinados, devido a forte predisposição ao trote.

TIPO 4 ( TpO ) – genes de trote/andadura, sem fator modificador: Neste tipo enquadram-se os representantes da raça Standarbred  ( Trotador americano, das corridas de charrete ), que tanto podem correr trotando como em andadura de corrida. Sem treinamento, a tendência é para o trote. Em baixa velocidade, podem alternar trote e andadura.

TIPO 5 ( Tpm ) – genes de trote/andadura, com fator modificador fraco: Este tipo de cavalo enquadra-se na raça Tennessee Walking Horse, mas ainda não é o tipo ideal. O treinamento pode mascarar o andamento. Em velocidade moderada, este tipo de cavalo poderá executar o trote desunido, ou a andadura desunida. Somente o bom treinamento poderá desenvolver o “running walk”, um dos andamentos mais apreciados do cavalo Tennessee Walker. O treinamento inicial deve ser a partir do passo relaxado, de pouca velocidade, muito próximo da variedade passo médio, que a maioria das raças executa. A velocidade pode ser encarada como um “teste de acidez” na genética dos andamentos.

TIPO 6 ( TpM ) – genes de trote/andadura emparelhados, com fator modificador forte: Neste tipo enquadram-se os melhores exemplares da raça Tennessee Walking Horse. Ainda potro (a) este cavalo poderá trotar ou apresentar andadura, e mesmo quando adulto, em liberdade. O treinamento é facil, objetivando um “running walk” de boa progressão, de amplos deslocamentos, ocorrendo a sobre e ultrapegadas ( qualidade muito desejavel na raça ), sem a necessidade do uso de ferraduras super pesadas. No limite da velocidade, a transição se dará para o galope. A produção de um tipo 6 não é garantia plena de qualidade. Devem ser levados em conta, principalmente, fatores extrinsecos, como o treinamento, conformação, temperamento, treinabilidade, qualidade da apresentação em julgamento.

TIPO 7 ( ppo ) – genes da andadura emparelhados, sem fator modificador: Neste agrupamento genético enquadram-se os cavalos de andadura convencional. Raramente trotam, talvez somente quando potrinhos (as). A correção da andadura, para um andamento de equilibrio apenas razoavel, é praticamente impossivel.

TIPO 8 ( ppm ) -  genes da andadura emparelhados, fator modificador fraco: É o tipo Tennessee Walker que eleva em demasia os membros anteriores, o que é incrementado através de métodos artificiais, principalmente o uso de ferraduras com calços de até 12cm de altura. As lesões são frequentes. Há registros da prática de infiltrações de produtos quimicos nas articulações dos boletos, joelhos e jarretes, na tentativa de recuperar a lubrificação, e ao mesmo tempo sedar durante periodos de treinamento e de competições. Geralmente, este cavalo tem habilidade para manter com mais facilidade o passo relaxado 
( em relação ao tipo 7 )  e a transição para a andadura não será frequente.

TIPO 9 ( ppM ) – genes de andadura emparelhados, com fator modificador forte: É o tipo ideal do Tennessee Walker com ferraduras pesadas. O trote em liberdade é natural, mas raro quando montado.

 

 

home |voltar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 




Itaporanga-SE
Francisco Garcez (Tito) -
(79) 9977 8000


Carvalhos-Sul de Minas
Prop. Fernando Pizza -
(35) 3345 1552

APRESENTAÇÃO      EDITORIAL      A RAÇA       ORIGEM      GENÉTICA      ANDAMENTO      CONFORMAÇÃO      REGISTRO      HINO
Copyright © 2008. RDA Tecnologia. Todos os Direitos Reservados.